PRESIDENTE NACIONAL DA ASTEGE PALESTRA NAS FACULDADES FMU E BRAZ CUBAS

Em função de necessidades de esclarecimentos e também para agregar valor aos cursos do PRONATEC em algumas faculdades que ofertam o curso de técnico em imobilizações ortopédicas, o Presidente Nacional da ASTEGE foi solicitado para fazer palestras, com o objetivo de divulgar a nossa profissão e elucidar assuntos relacionados à mesma. 

Nesses encontros foram esclarecidos inclusive assuntos relacionados ao trâmite de regulamentação em âmbito Federal nos estados e também em âmbito municipal, e vários outros aspectos e dúvidas pertinentes à profissão. 

Os formandos se sentiram honrados com a presença do Presidente Nacional, sempre atencioso, esclarecendo o máximo possível sobre as principais dúvidas dos egressos. 

Essas primeiras faculdades foram contempladas em São Paulo ( FMU e BRAZ CUBAS), porém, outras palestras estão sendo solicitados em outras partes do Brasil com finalidades similares, tanto em faculdades como em Escolas de Cursos Técnicos. 

E assim a ASTEGE vai contribuindo sempre com a sua parte para esclarecer e valorizar a nossa profissão, ressaltando pontos fundamentais em nossa formação, seja no saber, no saber fazer, ou no saber ser e agir. 

DEPARTAMENTO DE COMUNICAÇÃO – ASTEGE NACIONAL

CERTIFICAÇÃO DA MARINHA DO BRASIL PELA ASTEGE

A Diretoria Nacional da ASTEGE parabeniza a todos os participantes da Campanha de Capacitação em Aplicação de Técnicas de Imobilizações Ortopédicas do Hospital Naval Marcílio Dias no Rio de Janeiro. 

O início: 

 
A Clínica de Traumato-Ortopedia do Hospital Naval Marcílio Dias no Rio de Janeiro, sempre primou por atender diariamente um grande número de pessoas, não só de militares, tanto da ativa como da reserva, assim como seus dependentes. 
 
Devido à alta demanda de imobilizações ortopédicas e visando melhorar a qualidade do serviço prestado, surgiu a necessidade de também capacitar o profissional que labuta nesta frente de batalha. 
 
Do Sonho à Realidade: 
 
Conferir aos Praças da Marinha do Brasil o reconhecimento de um trabalho tão importante, que não raramente é NEGLIGENCIADO, é fundamental para qualificá-los ainda mais.
 
Da contemplação à concretização do sonho, foram apenas alguns dias, uma vez que, o desejo pelo saber e o anseio de melhoria na qualidade do serviço prestado, eram naturais e intensos. 
 

Bastou um simples convite aos profissionais para formação de um grupo de estudo. Alguns dos interessados não hesitaram em abrir mão do descanso e do convívio de suas famílias, para voltarem a estudar, visando melhor atender ao seu semelhante e progredirem profissionalmente.

Foram quatro meses de dedicação de forma consciente e alegre, onde o desânimo NÃO marcou presença. 
 
A dedicação e o esmero eram as marcas destes profissionais. Com o passar dos dias, podia ser notada a diferença na qualidade do pessoal, da atividade dos profissionais, na satisfação dos pacientes e no controle dos gastos. 
 
Este trabalho trouxe uma maior integração entre médicos e auxiliares. Era a linguagem Ortopédica sendo desvendada. E o melhor de tudo isto: Pacientes sendo beneficiados e melhor tratados. 
 
Parabéns pela Conquista de todos vocês! 
 
Gostaríamos ainda de registrar nosso reconhecimento especial à Dra. Ana Loyola, médica Ortopedista, membro titular da SBOT no Rio de Janeiro e Capitã de Corveta, por sua determinação incansável na perseguição e alcance deste objetivo.
 
Parabéns Dra. Ana !!! Que esta certificação de capacitação seja o 1º de muitos reconhecimentos e láureas alcançados por estes e outros profissionais como resposta à sua luta. Parabéns por ter sabido driblar as dificuldades e enfrentar os percalços e óbices com sabedoria e determinação!
 
PARABÉNS ! 
 
WLADMYR MENDES

Presidente Nacional da ASTEGE.

 

ATENTADO VIOLENTO AOS TÉCNICOS EM GESSO DO BRASIL

Fazemos saber a quem interessar possa que a Sede Nacional da ASTEGE foi arrombada, furtada e incendiada.
 
Por este motivo nossas atividades foram interrompidas por 24 horas, tendo em vista algumas impossibilidades técnicas geradas pelo ATO CRIMINOSO e a necessidade das medidas cabíveis e de praxe, tais como; perícia policial e outras.
 
Informamos que o Cadastro Nacional de Profissionais de nossa Categoria foi danificado, bem como os respectivos “backup’s” existentes tais como móveis, equipamentos e documentos, foram destruídos ou danificados. Aparelhos telefônicos e outros objetos foram furtados. Ainda estamos contabilizando prejuízos e não temos, precisamente, uma idéia da extensão de todo o dano causado.
 
Há tempos nosso Presidente Nacional vêm sofrendo ameaças e atentados. O trabalho que este vem desenvolvendo em prol da Categoria em várias partes do Brasil, claramente vem incomodando aos que desejam o malogro dos objetivos e ideais dos Técnicos em Imobilizações Ortopédicas em nosso país.
 
Pelas características e detalhes deixados “in loco”, tornou-se evidente a preocupação dos criminosos no sentido de causar dano à ASTEGE e, consequentemente, ao seu maior patrimônio; os profissionais que a Entidade representa em todo o Território Nacional. Várias autoridades e algumas lideranças institucionais solidarizaram-se com a Diretoria da ASTEGE.
 
Lamentamos que aqueles que são contra ou que tenham diferenças e incompatibilidades com os interesses dos Técnicos em Imobilizações Ortopédicas no Brasil, utilizem-se de expediente tão baixo e violento, visando fazer-nos recuar no tocante à nossa luta e ideais.

Todavia, reiteramos que amamos nossa causa e deveras dela nos orgulhamos. E ressaltamos ainda que, não temos qualquer pretensão de recuarmos em nossa luta.

Somos cônscios do quanto ainda temos a conquistar, e para nós, parte significativa da Classe Trabalhadora deste país, só a vitória nos importa.

E tendo em vista a enorme importância e significado da causa que perseguimos, apesar de percalços, barreira e óbices, seguimos submetendo nossos temores e dúvidas à fé inabalável de que as conquistas que necessitamos virão, ainda que tarde um pouco e a contragosto de alguns.
 
“PORQUE JUNTOS, SOMOS MUITO MAIS FORTES”
 
WLADMYR MENDES
Presidente Nacional da ASTEGE

1a. GREVE EFETIVA DE TIO'S NOS BRASIL

Sim. De forma ordeira, pacífica e respeitosa os Profissionais da Imobilização Ortopédica de Cachoeiro de Itapemirim no Espírito Santo, fizeram a primeira greve de Técnicos em Imobilizações Ortopédicas do Brasil. 

Isto é, acima de tudo, um exemplo de união e de profissionalismo e ética, e comprova que a reivindicação de melhores condições de trabalho, melhores salários e avanços para o exercício da nossa profissão podem ser feitas de forma adequada, eficaz, eficiente e efetiva. 

A maioria dos objetivos foram alcançados com a greve e até mesmo outros profissionais da área da saúde apoiaram o movimento. Mesmo sendo um hospital de referência em Ortopedia na região, souberam compreender a necessidade e a conveniência do movimento dos técnicos em imobilizações ortopédicas no Município de Cachoeiro do Itapemirim no Espírito Santo. 

Isso traz às claras um pouco da nossa força e pode-se dizer que é a materialização do slogan da ASTEGE: ” Porque juntos, somos muito mais fortes.” 

Parabéns aos colegas de Cachoeiro do Itapemirim ! 
 
Departamento de Comunicação – ASTEGE NACIONAL
Scroll Up